×
 Amor
 Reflexão
 Amizade
 Bom Dia
 Religião
 Família
 Motivação
 Aniversário
 Espiritismo
 Educação
 Bíblia
 Piadas
 Outros

Frases de Suzanne Curchod

0

11 frases de Suzanne Curchod

Frases de Suzanne Curchod - Ser amado, é receber o maior de todos os elogios.

Ser amado, é receber o maior de todos os elogios.

Frases de Suzanne Curchod - Se se pudessem conquistar os homens com fingimento

Se se pudessem conquistar os homens com fingimentos, todas as mulheres velhas teriam amantes.

Frases de Suzanne Curchod - A felicidade ou a desgraça da velhice não costum

A felicidade ou a desgraça da velhice não costuma ser outra coisa do que o resíduo da nossa vida passada.

Frases de Suzanne Curchod - A mulher deve vestir-se e pentear-se com simplicid

A mulher deve vestir-se e pentear-se com simplicidade quando é bela - e quando é feia, para o ser menos.

Frases de Suzanne Curchod - O desejo de amar da mulher indica menos a ternura

O desejo de amar da mulher indica menos a ternura do coração do que o desejo de ser adorada.

Frases de Suzanne Curchod - Se quiserdes fazer prevalecer uma opinião, dirigi

Se quiserdes fazer prevalecer uma opinião, dirigi-vos às mulheres. Elas reconhecem-nas facilmente, porque são ignorantes; espalham-nas facilmente, porque são levianas; sustentam-nas durante muito ...

Frases de Suzanne Curchod - Os defeitos das mulheres foram-lhes dados pela nat

Os defeitos das mulheres foram-lhes dados pela natureza para pôr em actividade as qualidades dos homens.

Frases de Suzanne Curchod - O coração humano tem olhos de lince.

O coração humano tem olhos de lince.

Frases de Suzanne Curchod - É possível impor silêncio ao sentimento; não

É possível impor silêncio ao sentimento; não é, porém, possível marcar-lhe limites.

Frases de Suzanne Curchod - A cólera dos amantes é como as tempestades de Ve

A cólera dos amantes é como as tempestades de Verão, que só servem para deixar mais verdes os campos.

Frases de Suzanne Curchod - A familiaridade redunda-nos em desaire por via de

A familiaridade redunda-nos em desaire por via de regra: se a exercitamos com os superiores, desagradamos; se com os inferiores, desvaliamo-nos.

Mais vistos